Dois suspenses japoneses que você precisa ver.

Oi, gente. Tudo bem com vocês?

Desculpa ter ficado esse tempão sem atualizar. É que essa semana era época de resultado do Enem + listão da faculdade e minha cabeça estava a mil, mal consegui dormir ou comer direito desenvolvi  uma gastrite nervosa do inferno, por conta do stress. Mas finalmente terminou, e embora tenha ido bem no Enem, não foi dessa vez que acabei passando no curso que queria…mas, bola para frente, tem outros vestibulares.

Mas como boa Pollyanna que sou, sei que  não há nada melhor do que assistir a um bom filme para espantar a tristeza e passar o tempo ( afinal, ainda estamos de férias). Então trago aqui dois filmes incríveis, lá da Terra-do-Sol-Nascente, que você precisa ver!! Já fiz um post semelhante a um tempo atrás dando dicas de filmes asiáticos que merecem a atenção. Porém, como recentemente assisti a um suspense sensacional que fez minha lista de favoritos ter um upgrade, resolvi fazer esse post contando sobre dois dos meus filmes japas mais do que favoritos.

Confissões:

Sinopse: No último dia de aula em uma escola, a professora se despede dos alunos e diz que não mais voltará a lecionar. Ela ainda faz uma afirmação: sua filha de apenas quatro anos de idade, que supostamente morreu afogada na piscina da própria escola, na verdade foi assassinada por dois estudantes daquela classe. Antes mesmo de alguém se pronunciar, sem meias-palavras a professora anuncia que está prestes a se vingar. O que se vê é a transformação de uma pessoa calma e passiva numa mulher de sangue-frio.

Se tem um gênero que me fascina é o do terror psicológico e esse é um dos melhores exemplos deles. Contado através da alternância de pontos de vista dos envolvidos no acontecimento central da história, Confissões, trás uma das melhores histórias de vingança com jeitinho japonês que os  asiáticos sabem fazer. A partir do momento em que  professora decide arquitetar seu plano contra os alunos, uma série de reviravoltas acontecem fazendo o filme tomar rumos completamente diferentes dependendo do ponto de vista de quem está sendo contada a história. Cada relato é surpreendente e a medida que o filme avança é praticamente impossível não ficar de queixo caído com o rumo que as coisas tomam. E o final é surpreendente e bem inesperado. Além do roteiro em si, o filme trás excelentes atuações, uma fotografia deslumbrante e que uma trilha sonora sensacional, misturando músicas ocidentais e orientais, e que casam bem com as cenas do filme. Mais do que recomendado esse filme.

The Snow White Murder Case: 

Sinopse: O repórter de TV Yuji Akahoshi (Gō Ayano) cobre o caso do assassinato da jovem Noriko Miki (Nanao); sua investigação, divulgada exaustivamente para seus seguidores através da rede social Twitter, aponta Miki Shirono (Mao Inoue) como a provável autora do crime, o que acaba colocando toda a mídia e a Internet contra a garota. A situação vai ficando cada vez mais complicada à medida que as investigações continuam e se percebe que não há como saber quem está falando a verdade e quem está mentindo. Desse modo, um detalhe pode acabar mudando todo o rumo da história.

Outro sensacional que também é contado através de pontos de vista ( já notaram que é meu estilo favorito de narrativa?) só que de maneira diferente da que acontece em Confissões. Nesse filme,  ao invés de termos capítulos para cada personagem, temos depoimentos, pois, quando o assassinato acontece um programa de tv, desses estilo investigativo, vai atrás dos envolvidos com a vítima e cada um conta a sua versão da história e baseado nisso o público ( do programa e o telespectador) também forma sua opinião. Só que muitos contam meias verdades outros inventa partes que os favoreçam e nada realmente é o que parece. Deixando que o mistério seja resolvido apenas nos momentos finais do filme. E nisso Snow white murder tem uma vantagem pois é exatamente assim que acontece na vida real. E mostra como a mídia pode ser manipuladora  e como nós ( publico geral) temos apenas acesso a uma pequena parte de 90% das informações que recebemos diariamente, nunca sabemos verdadeiramente qual a história completa, e como muitas vezes tiramos conclusões errôneas baseados nisso. Recomendo muito também. Era isso pessoal. Espero que tenham gostado e se assistirem aos filmes não esqueçam de deixar um comentário falando o que acharam. Beijos da Garota da Vitrine.

Seeds of Anxiety – Fuan no Tane

Olá pessoal!! Tudo bem com vocês?

Como vocês puderam notar, coloquei na barrinha ao lado  os dias que sairão posts novo aqui no blog, mas caso alguém não tenha visto eu reforço o aviso dizendo que os posts serão todas as sextas e domingos, salvo postagens excepcionais, como esta que vos escrevo,  que podem rolar durante a semana, principalmente, agora que entrei em férias.

E o motivo dessa postagem linda de terça é justamente a minha ansiedade em compartilhar com vocês as minhas impressões com a leitura do incrível mangá: Fuan no tane ou Seeds of Anxiety ( sementes da ansiedade/desconforto, em tradução livre e literal ); o descobri super por acaso e acabou me conquistando  complemente a ponto de chegar ao status de favorito já ao final da leitura do primeiro volume.

Não sei se vocês sabem mas sou completamente apaixonada por terror, e não do tipo sanguinolento com tripas para todos os lados ao estilo Jogos Mortais – embora eu também assista – os meus favoritos são aqueles que deixam uma tensão no ar, arrepiam os cabelos da nuca e fazem você querer olhar de baixo da cama e dentro do guarda-roupa, antes de dormir. E se você também gosta desse tipo de terror que é mais voltado para o suspense psicológico, Fuan no Tane é um mangá feito para você.

Composto por uma coletânea de 3 volumes mais um volume extra, esse mangá reúne uma série de histórias de terror curtíssimas, algumas chegam a ter no máximo 6 páginas, todas baseada em lendas urbanas, superstições e histórias de fantasmas japonesas.E apesar das poucas páginas elas conseguem criar, facilmente, o clima de tensão que prende o leitor do começo ao fim e você fica curioso para ver o que vai acontecer nos demais contos e quando menos percebe já terminou.

fuan-no-tane-2730635-horz

Essas  histórias são todas separadas por categorias: Visitantes,Escola, Lendas Urbanas etc. E no final (ou inicio, não me recordo agora) há algumas fotos de lugares reais onde as histórias foram passadas. É incrível!

fuan-no-tane-2730749-horz

A arte também é linda, sim linda. O traço é delicado e medonho na medida certa, dependendo da situação e do momento em que a história se passa e do tema do conto;

Fuan no Tane tem até um live action inspirado no mangá, embora eu não tenha gostado tanto assim ele é bem fiel aos contos.

Link completo do filme:

Agora, a pergunta que não quer calar: Onde encontrar?

Bom, eu encontrei os quatro volumes completos no Mangá Rock que é, na minha opinião, um dos melhores e mais completos aplicativos de leitura mangá ( somente em inglês)

Versão para Android: Mangá Rock 

Versão para Iphone: Mangá Rock 

Para leitura online você pode encontrar aqui ( em inglês): Manga Reader: Fuan no Tane

E aqui: Central Mangás 

Para compra infelizmente não encontrei nenhum endereço ou site de loja virtual 😦

Era isso, espero que tenham gostado e se por acaso alguém se interessar ou já leu, comente, adoraria saber a opinião de vocês.

Beijos da Garota da Vitrine

 

 

 

 

 

Reply 1997 ( Answer me 1997)- Dorama.

Olá,olá vitrineiros!Como vão vocês?

Aviso:Essa é a minha primeira resenha de doramas falando sobre um drama em especial,por favor sejam amorzinhos  mesmo se não ficar muito boa.Obrigada! *-*

Hoje estou aqui para falar sobre um dorama que vi na semana passada  e que me viciou tanto que acabei assistindo os 16 episódios em incríveis DOIS dias. Estou falando de Reply 1997 ou Answer me 1997, como também é conhecido. No começo não tinha dado nada por ele e sempre que algo relacionado aparecia nas minhas sugestões eu descartava imediatamente. Foi quando me deparei com a resenha do blog “Divaneando”  que  meu interesse pelo drama foi despertado e me apaixonei tão completamente por ele que no 3 episódio Reply 1997 atingiu o topo da minha restrita e exigente lista de doramas favoritos.

A história em si é bem simples e gira em torno da vida de 6 amigos que moram em Busan (interior da Coreia). Mas simples não quer dizer  que seja sempre uma mesmice, muito pelo contrário, muitas coisas acontecem durante os episódios e você simplesmente não consegue desgrudar por nada no mundo. E o maior trunfo  do dorama é que ele mexe o pronto fraco do ser humano: a curiosidade.

Sinopse: A história  começa no presente (2012, ano em que o drama foi exibido) quando os amigos de infância Shin Won,Yoon Jae,Yoo Jung,Hak Chan,Joon Hee e Sung Jae se reencontram, após algum tempo, em uma reunião de ex-alunos do colégio em que estudaram, e através  de conversas eles relembram os tempos de escola e todos os acontecimentos que os levaram a se tornar o que são hoje.

Vendo está sinopse, você pode torcer o nariz mas é exatamente ai onde mora  a grande sacada do drama: Não é história em si, mas sim como ela é contada.

A narrativa acontece através alternância de cenas entre presente  e passado, mas não de um jeito como estamos acostumados – seguindo uma linha cronológica – e sim como peças de um enorme quebra-cabeça que vão se juntando a medida que os episódios avançam. Algumas questões são respondidas e explicadas rapidamente enquanto outras demoram alguns tempo para serem compreendidas mas  quando finalmente isso acontece você fica “ aaaaaaaaaaaah que legaaal!!!!”.

E falando nisso, uma das maiores curiosidades da história é descobrir com quem a personagem principal ficou, pois entre as alternâncias de cena você fica cada vez mais confuso. Todos os episódio tem pistas falsas e acontecem tantas coisas que  você fica mudando de um pra outro e no fim não tem certeza de nada, somente no ultimo capitulo é que eles explicam qual foi o destino dela.

Personagens:

Os personagens foram tão naturais e divertidos, assim como as situações apresentadas no dorama, que é quase impossível não se apaixonar por eles. Não teve aquela coisa forçada e mimizenda que alguns doramas teimam em colocar, pelo contrário, era como se você estivesse em uma roda de amigos, vivendo junto com eles cada momento. Inclusive, várias situações que apareceram me lembraram da minha época de colégio (que não foi a muito tempo, mas já deixou saudades ).

Shi Won e Yoon Jae:

Não tem como falar de um e não falar do outro. Os dois se conhecem desde pequenos e brigam feito cão e gato. Enquanto Shi Won é completamente louca e hiperativa ele é calmo e inteligente mas igualmente engraçado.

A Shi Won, foi um das personagens mais carismáticas que já encontrei em doramas. Era do tipo bem louquinha e o fato de ela ser totalmente apaixonada pelo grupo H.O.T, só fazia aumentar essa loucura. Ela se metia em cada barraco com as fãs do 6Skies, grupo rival do H.O.T, que eram hilárias de se ver e que me lembraram alguns fandoms da atualidade que vivem em pé de guerra. Isso foi muito legal de acompanhar, porque como vivo um pouco, talvez muito, nesse universo de músicas, artistas e kpop, me identifiquei muito com a ela. A Eunji, atriz e cantora que interpretou o papel de Shi Won, foi brilhante na atuação e acabei adquirindo muito carinho por ela.

Yoon Jae:

Era o completo oposto a Shi won e como eu disse acima, viviam brigando. Com o tempo ele foi se apaixonando por ela – isso não é spoiler porque a gente sabe disso no primeiro capitulo- o difícil é declarar o amor, ainda mais depois que certo personagem (não irei dizem qual) aparece e torna as coisas um pouquinho mais complicadas. Ele tinha um certo draminha pessoal mas que foi abordado de maneira tão legal que não ficou chato ou tornou o personagem complexado e afetado.

As cenas dele eram muito engraçadas, porque apesar de inteligentíssimo ele era meio lento pra certas coisas.

Yoo Jung,Hak Chan:

Sabe aquele casal secundário no drama que a gente se apaixona demais? Esses são o Jung e o Hak Chan. No começo eles não se interessam muito um pelo outro, mas a medida que os episódios passam eles vão se aproximando e não demora muito para eles começarem a namorar. O namoro deles é muito engraçado porque por qualquer motivo ela terminava e voltava com ele, depois de um tempo já virava rotina.

A Yoo Jung é a melhor amiga da Shi Won e também gosta de H.O.T, só que ela ficava mudando de ídolo o tempo todo e na metade de história virava 6skiesete e depois voltava pro H.O.T, sempre tinha um amor de fã novo. A personagem era bem mais calma que a Shi won, mas muitas vezes embarcava junto nas loucuras da amiga.

O Hak Chan, morava em Saeul mas se mudou pra Busan por causa do emprego do pai, que era militar. Ele era fascinado por pornô, mas quando chegava perto das meninas na vida real ficava todo medroso. Por isso é legal de ver o inicio do relacionamento dele com a Yoo Jung já que no começo ele não conseguia nem falar olhando pra ela e ela sempre tava agarrada nele.

Joo Hae :

Aquele personagem fofinho, lindo, querido e que você tem vontade de abraçar. Ele sofre durante o drama todo e você fica com o coração na mão em várias cenas, mas mesmo assim, ele não é aquela coisa depressiva, Ele aceita a situação dele e isso só te faz admirar ainda mais o personagem.

“olhem isso!!Não tem como não se apaixonar por uma criatura dessas.”

Sung Jae:

E se o Joo Hae é sofrido, o Sung Jae é o completo oposto. Não tem um pingo de tempo ruim sobre aquela cabecinha e ele é um dos mais engraçados.

Tá sempre se achando o lindo, maravilhoso e esperto, mas só levava fora da mulherada e andava sempre com um tamagochi na mão tratabdo o bichinho virtual como se um bichinho de estimação de verdade.

Esses são os personagens principais, tem também o irmão do Yoo Jae e os pais da Shi Won (que são incríveis também) mas não falarei deles pra deixar vocês curiosos e também pra resenha não ficar muito grande – maior do que já está- e cansativa.

Beijos :

Se vocês acharam que não podia melhorar ou se não se deram por convencidos até agora, acho que ficarão.

Reply 1997 teve, ao long da história, os melhores beijos já vistos em doramas e olha que não foram poucos. Em uma entrevista os próprios atores disseram que tiveram que se beijar DE VERDADE e isso na coreia é muito raro de acontecer.

Não dá pra negar que esse casal tem química,né??

Pois então, era isso…espero que tenham gostado e se decidirem assistir me avisem e deixem nos comentários se gostaram ou não 🙂

Um beijo da garota da vitrine

We got a married-Programa de variedades coreanos

Olá vitrineiros,como vão vocês??

Muitos de vocês que me  acompanham no blog e me seguem no twitter já devem saber que eu sou completamente apaixonada por coisas relacionadas a coreia principalmente ao que diz respeito a doramas ,música e idolos lindos.Então hoje eu resolvi trazer uma dica muito legal para quem também curte esse universo  e até mesmo para quem não está muito familiarizado mas que gosta de um pouco de romance e ,principalmente, dar boas risadas.

O post de hoje vem com o intuito de apresentar a vocês um dos meus programas favoritos e que eu acompanho quase que fielmente,We got a married, que consiste em um conceito simples: Pegar dois ídolos coreanos famosos que não se conhecem e casa-los…de mentirinha,é claro.

A primeira vista você pode pensar “que coisa idiota”,admito,eu também pensava assim,até que um belo dia fuçando pela web eis que descubro que um dos meus “queridinhos” havia participado de uma das edições láaa no inicio da carreira.Decidi então dar uma chance ao programa e…acabei me viciando completamente.

We got a married possui uma fórmula simples e ao mesmo tempo leve e despretensiosa que funciona muito bem.A cada temporada são escolhidos três casais  de diferentes idades para participarem do programa,os homens não conhecem quem serão suas “esposas” e vice-e-versa ,a partir dai eles vão se conhecendo,interagindo e desenvolvendo uma relação,na minha opinião isso é o atrativo do programa.

Pode realmente parecer meio besta,mas pensem,na coreia a vida dos ídolos é diferente e muito mais restrita,muitos deles  passam boa parte da vida artística sem nunca namorarem ou até mesmo saírem para divertir-se.Como eu já falei no post sobre kpop,as horas de treinamento são extremamente exaustivas  não sobrando muito tempo para a vida pessoal deles.Então,acredito que seja uma forma criativa e divertida deles experimentarem um relacionamento,mesmo que não seja real (as vezes).

Outra coisa realmente legal em WGM são as participações dos MC’s ( eu chamo assim),que são os comentaristas do programas.Eles assistem aos episódios ao vivo e reagem junto com  a gente a cada cena.Sabe aquelas fãs bem fangirls?Os vjs são assim,vibram junto com o telespectador em vários momentos do programa e são extremamente divertidos,pois são deles as melhores piadas.

WGM,também é conhecido por suas participações especiais,muitas vezes os membros dos integrantes dos grupos que participam como casais,são convidados a parecerem e causam muitos momentos de surto.Eles também são muitas vezes recrutados para dar uma “ajudinha” no relacionamento dos amigos o que é muito,muito legal.

Casais favoritos:

E falando em casais,sempre tem aqueles que se destacam mais do que outros e acabam arrebatando a gente a medida que o programa avança.Entre meus favoritos estão:

Khuntoria:

Um dos meus casais favoritos e amorzinho de muitos que,como eu,acompanham o programa é Khuntoria.Formado por Nichkhun (2pm) e Victória (F(x)).

A química deles é ENORME e você esquece completamente que é um programa ,acreditando fielmente que são um casal.Até mesmo os pais do Nichkhun,brincam que eles parecem um casal de verdade.Mas o que encanta mesmo em Khuntoria é a simpatia dos dois e o carinho que eles possuem um com o outro.Eles tem vários momentos fofos e muito divertidos.

Taenun: Taemin x Naeun – Shinee e APink

Os mais acanhados do programa até hoje,pelo menos das temporadas que eu assisti.Eles participaram dessa ultima edição do programa e ganharam o apelido carinhoso de  “Inocente couple” ou “fist time love”,porque nenhum dos dois havia namorado ou tido um relacionamento aberto em seus 21 anos.O mais fofo de tudo foi ver os dois descobrindo um companheirismo  um com outro e o primeiro skinship.Com certeza garantiram  muitos momentos de surto.

Jooyoungmi couple: Jung Yoo Mi x Jung Jong Young  -Atriz e cantor solo

Esse é o casal mais divertido de todos.Além de passarem maior parte do programa se implicando eles são extremamente engraçados,isso se dá também pela diferença de personalidade dos dois.Enquanto ela é romântica,ele não leva nada a sério,mas ainda sim a química entre eles é PERFEITA.Como estão muito no comecinho do programa,não existe uma relação muito carinhosa entre os dois,é mais como amizade mesmo,mas desde o ultimo episódio alguma coisa está começando a surgir. Os dois até tem apelidos ,Guri ( que significa guaxinim em coreano e ela o chama assim por causa das olheiras)e Pocah ( porque ele acha ela parecida com a Pocahontas).

Eles até mesmo fizeram um clipe juntos:

Era isso pessoal,espero que tenham gostado e se arrisquem a assistir WGM,eu realmente recomendo.

Um beijo da garota da vitrine.

filmes asiáticos que você precisa ver – #1

Oi oi pessoal , tudo bem com vocês ?

Pois é, eu sei, eu sei. Já faz um tempinho que não tem posts por aqui, mas é por um bom motivo, tenho lido muito ultimamente. Livros que já estavam a séculos parados na minha estante  e deixei as redes sociais e demais, um pouco de lado nessas ultimas semanas

E para me redimir com vocês, vim essa semana trazer um posto bem mais elaborado falando sobre os cinemas asiáticos.

Como vocês já devem estar cansados de saber, eu sou muito apaixonada por esse tipo de filmes, acho que os asiáticos tem muito talento e são extremamente criativos no quesito roteiro, porém, devido ao preconceito que algumas pessoas tem, suas produções acabam sendo menosprezadas. O que é realmente uma pena, pois, se tem uma coisa que eu aprendi desde que comecei a assistir doramas e ver filmes é: assistir primeiro, julgar depois.

Muitas histórias podem parecer bobinhas a primeira vista mas antes de descartá-la totalmente, dê uma chance, você pode se surpreender e gostar mais do que imagina. Além de se divertir bastante, ainda aprende muito sobre a cultura de um universo que é totalmente diferente aos nossos olhos ocidentais.

Mas vamos acabar com o blá blá blá e ir direto ao que interessa .

K-movies

200 pounds beauty 

Sinopse: Hanna é uma cantora, mas devido a sua aparência, Ammy, que é magra e bonita, dubla sua voz enquanto Hanna canta por trás do palco. Mesmo sendo ignorada por causa de sua aparência ela é meiga e sensível até o dia em que é humilhada, então toma a decisão de passar por uma cirurgia plástica de corpo inteiro para dar a volta por cima, correndo o risco de ser reconhecida.

Opinião: Possivelmente um dos filmes mais engraçados que eu já vi.As situações são hilárias e arrancam gargalhadas de qualquer pessoa .Kim Ah Joong, que interpreta a Hanna, é uma atriz sensacional e naturalmente divertida, soube dar o tom da personagem tanto em sua fase gordinha quanto na fase pós cirurgia plástica. E embora seja um filme de comédia  tem cenas que fazem brotar aquela lágrima no canto do olho. Principalmente com o final, que foi maravilhoso.

Sem contar que a música tema gruda na cabeça da gente que nem chiclete:

Onde assistir :

Nota: 4 de 5 estrelas.

A werewolf boy

Sinopse:O filme conta a emocionante história de amor entre um jovem lobisomem (Song JoonKi) que foi abandonado pelo mundo, e uma bela adolescente (Park BoYoung) que costumava se isolar mas abriu seu coração com a ajuda do garoto.

Opinião: É um dos que eu mais queria assistir e quando finalmente tive a oportunidade não me decepcionei. O filme é lindo, fofo e tem uma fotografia maravilhosa. Também possuí atuações excelentes, destaque para  Song Jun Ki, que não deixou a desejar e fez Hollywood repensar a carreira. A história é comovente e sensível, recomendo bastante para  qualquer um que goste de um bom romance com um dose de fantasia.

Onde assistirhttp://www.filmesonlinegratis.net/assistir-a-werewolf-boy-legendado-online.html

Ps: A legenda não é das melhores, para não dizer péssima, mas nada que comprometa o entendimento do filme. Só que foi um dos únicos links que achei funcionando então, dá para quebrar o galho.

J-Movie

Hua Mulan 

Sinopse: Mulan, o longa da Disney, tornou a história da menina que tomou o posto do pai no exército depois que ele adoeceu, conhecida em todo o mundo, e agora ganha sua versão com personagens verdadeiros. Quando a China é invadida, o imperador decreta que cada família ceda um homem para o exército imperial. Com isso, uma jovem fica angustiada ao ver seu velho e doente pai ser convocado, por ser o único homem da família. Ele precisa ir, mesmo sabendo que certamente morrerá, para manter a honra da família. Assim, sua filha rouba sua armadura e espada, se disfarça de homem e se apresenta no lugar do pai,se alistando disfarçada em um exército só de homens.

Opinião: Minha curiosidade em começar a assistir esse filmes foi principalmente porque Mulan é uma das minhas princesas  favoritas da Disney e nunca tinha tido a oportunidade de assistir o longa, com atores de carne e osso, sobre ela. Embora a animação tenha sido bem mais trabalhada e mais bonita visualmente; o filmes também é muito bom e vale muito a pena assistir.

Onde assistir:http://www.youtube.com/watch?v=ZyT3DRbEFwk

E ai? Já assistiram algum? Gostaram? Não deixem de comentar.

Beijos da Garota da Vitrine